Donnerstag, April 19, 2007

Pedacinhos de mim






Na mão estendida, morreu o beijo
quieto nas pontas dos dedos,
Sem adeus, ou até logo ...
assim ficou ...guardado,
Inacabado;
Em punho cerrado!


Tatearam o escuro, as mãos.
A frieza,
E a distância.
Quiz chorar, sentir;
Dar-me!
Mas ...a pele,
O sabor do fim presentia.

Meus olhos humedeceram as palavras,
Anforal de carinhos moribundos.
Destino.


Repete-se o canto;
Cala-se o vazio nos lábios,
Silencia o refrão nos ouvidos;
Eloquente!

Photo Sharing and Video Hosting at Photobucket

O único que pedia;
E queria ...
Eram mimos e abraços!

Kommentare:

Anónimo(SitioDasSerras) hat gesagt…

Ainda antes de dormir passei e quis ser o 1º.

Às vezes tu dizias: os teus olhos são peixes verdes!
E eu acreditava.
Acreditava,
porque ao teu lado
todas as coisas eram possíveis.

Mas isso era no tempo dos segredos.
Era no tempo em que o teu corpo era um aquário.
Era no tempo em que os meus olhos
eram os tais peixes verdes.
Hoje são apenas os meus olhos.
É pouco, mas é verdade:
uns olhos como todos os outros.

Já gastámos as palavras.
Quando agora digo: meu amor...,
já não se passa absolutamente nada.
E no entanto, antes das palavras gastas,
tenho a certeza
de que todas as coisas estremeciam
só de murmurar o teu nome
no silêncio do meu coração.

Não temos já nada para dar.
Dentro de ti
não há nada que me peça água.
O passado é inútil como um trapo.
E já te disse: as palavras estão gastas.

Adeus

o mesmo hat gesagt…

Só pq gosto muito de Eugénio de Andrade
Afago meigo

sonhadora hat gesagt…

óptima escolha sitiodasserras;

adoro esse poema :-)


Tarde bonita para si :-)

Anonym hat gesagt…

Olá! Já [votaste] no selo do Zeca ??

Davide da Costa

Equi. hat gesagt…

...deixo aqui um mimo para si...

com um sorriso :-)

Gosto de a ler.

franz f. hat gesagt…

Olá sonhadora :)

Como sempre... a transbordar de talento!

Fique bem
Afago :)*

sonhadora hat gesagt…

Obrigada Equi. *

Soube bem o miminho e o sorriso.
Adivinho-os sinceros.

(sinceramente, necessitava-os)
Talvez seja a Primavera que me deixa assim, piegas ...:-)

Mas logo logo passa.
Como o meu pai dizia:
"é de cepa rija a rapariga, verga, mas não quebra"

:-) Desejo-lhe um fim de semana colorido.

Obrigada por passar *

sonhadora hat gesagt…

Ai Franz ...vc e os exageros :-)

Sabe bem o que penso a respeito, e apesar das nossas "discussões" não mudei de opinião :-)

A transbordar de emoções e sentires, (diria eu).

Aprendi muito cedo que qualquer pedaço de papel e uma caneta, são óptimos confidentes, por falta de quem entenda e aceite como sou, penso e sinto.

E assim, nasceram as escritas, com apenas 10 anitos :-)

Obrigada pelas suas visitas e essa ternura que me brinda *

Bem Haja.