Samstag, Januar 15, 2005

"Renascer"

"Aprendi com as primaveras a me deixar cortar e a renascer sempre inteira."


(Cecília Meirelles)





Amei!
Sem dias, nem horas
Nem calendários ...
Sem dose nem medida.
Amei ... até ter uma overdose e descobrir na loucura do amor que só eu amava.

Chorei!
Praguejei!
Lamentei e lutei para não mais te amar.
Joguei fora teu cheiro;
o sentir-te em minha pele.
Arranquei-te da alma!
Apaguei tuas palavras da memória
e os sonhos ... ofereci-os às ondas de um mar furioso.

Hoje a ausência carimba o quotidiano,
E o vazio tatua o tempo.

Espero o Tempo do acordar para me parir
e renascer ao Amanhecer.








Kommentare:

Anonym hat gesagt…

O tempo cura... sara .... mas não apaga... as mágoas, a dor, os momentos... No trilho que corres em direcção á montanha, muitos obstáculos encontrarás... Mas jamais lá ficarás... Porque a tua alma é imensa...
Um beijo nina *

Cacau hat gesagt…

Como te compreendo!! Um beijo cheio de força!!

***++

AlmaAzul hat gesagt…

... bem, não me vou aproximar muito porque tou com gripe, por isso um beijo Azul á distância da saudade.

Anonym hat gesagt…

Where did you find it? Interesting read » »

Anonym hat gesagt…

Where did you find it? Interesting read »

Anonym hat gesagt…

best regards, nice info »